As paisagens culturais como leitura do território. O caso da Sardegna